VENHA CONHECER

Tudo o que precisa de saber

FAQs ESCLAREÇA AS SUAS DÚVIDAS

Como chegar ao Minho

- Aeroporto Sá Carneiro, Porto +351 229 417 761 - Aeroporto de Vigo, Vigo +34 913 211 000 - Aeroporto Santiago de Compostela +34 913 211 000 - Aeroporto de A Coruña +34 913 211 000.

O que tem de interessante para visitar no Minho?

O Minho é uma das maiores atracções de Portugal pela rara e impressionante beleza paisagística, cidades históricas e acolhedoras e por ter uma excelente gastronomia.

Qual o Clima mais característico no Minho?

O Clima é relativamente fresco, sendo o Inverno temperado e um pouco mais ventoso na faixa mais litoral. A proximidade oceânica faz com que o clima seja mais temperado. Nos vales do rio Minho e Lima e nos seus afluentes, temos um verão quente e um Inverno fresco.

As pessoas do Minho são simpáticas e hospitaleiras?

As pessoas do Minho, de um modo geral são bastante simples e como pessoas típicas do Norte de Portugal muitas vezes usam uma linguagem mais colorida e alguns "palavrões" para dar humor à conversa. Na generalidade recebem os seus turistas com grande hospitalidade e simpatia.

Que tipo de desportos posso encontrar para praticar no Minho?

O Minho reúne condições de excelência para a prática de desportos de aventura, pedestrianismo e outras experiências únicas e privilegiadas. A prática de kitsurf, equitação, golfe e escalada, são algumas modalidades que o Minho tem para fazer subir a adrenalina de qualquer viajante.

Viajar no Minho é muito caro?

Viajar pelo Minho, não é assim tão dispendioso, é possível desfrutar de umas férias no Minho, não só para mochileiros económicos mas também para quem quer mais um pouco de conforto sem gastar uma fortuna.

Quais são os pratos típicos (gastronomia) do Minho?

Gastronomia no Minho é património, cultura e tradição. Comer e beber bem é significado de hospitalidade e saborear a gastronomia do Minho é isso tudo e muito mais. Legumes saborosos, carnes de animais criados em casa ou lampreia pescada pelos locais são usados num sem número de pratos, ladeados por sobremesas de receitas conventuais de doçaria regional e o acompanhamento do bom vinho verde. Nesta região verde e cheia de tradição pode-se comer um delicioso bacalhau à minhota, as famosas papas de sarrabulho acompanhadas de rojões, o cozido à portuguesa assim como um delicioso arroz doce, aletria, sonhos e pão-de-ló não esquecendo o delicioso pudim abade de priscos.